Guarapuava, PR,                                      Governo PR - Polícia Militar PR - Polícia Civil PR - Detran - Exército    
 
Inicial
Histórico
Notícias
Relatórios de Ocorrência
Companhias
Galeria de Fotos
Dicas de Segurança
Links Úteis
Acesso Restrito
Fale com o 16º












SmartFAQ is developed by The SmartFactory (http://www.smartfactory.ca), a division of InBox Solutions (http://www.inboxsolutions.net)

Arrombamentos
Editado e Respondido por Admin em 26-Nov-2009 20:16 (1170 Lidas)
Os arrombadores não agem por acaso. Antes de saquear uma residência, segue-se um longo trabalho de observação realizado pelo marginais. Eles observam os hábitos e movimentos da família: a hora que os seus membros saem para o trabalho, para a escola, os horários de retorno, os de dormir. Quando a família entra em férias e programa viagens, eles também se certificam. Com a casa desabitada, encontram maior facilidade para agir. Algumas medidas de precaução: 

■Instale sistema de alarmes em janelas e portas; 
■Contate com profissionais cinófilos e adquira cães de guarda, adestrados; 
■Prefira portas e janelas que ofereçam maior segurança e instale trancas adicionais na parte interna; 
■Quando viajar, deixe uma pessoa responsável por sua casa; nunca deixe o imóvel desabitado; 
■Na impossibilidade de deixar alguém na casa, avise o vizinho mais próximo de que você estará ausente e o tempo em que estará fora; 
■Deixar as luzes acesas pode inibir arrombamentos. Mas como o marginal tem tempo para observar, ele, em poucos dias, notará que dia e noite as lâmpadas continuam acesas. Isto pode despertar a atenção dele. O mais correto seria pedir para que alguém as apague durante o dia e as acenda à noite, mas em horários normais de uso. As mesmas medidas servem com relação à ligação de eletrodomésticos, como rádio e televisão; 
■Não deixar cortinas abertas para dar impressão de que tem alguém em casa; com o passar dos dias ,ficará patente que não há ninguém e ainda poderá facilitar a visão do marginal; 
■Prestar atenção no movimento de estranho nas imediações da casa ou que passam com freqüência ou que, mesmo você não o conhecendo, faz perguntas e puxa conversa com membros da sua família; 
■Inteirar-se dos hábitos do vizinho é , antes de indiscrição, uma maneira de ajudá-lo a proteger o patrimônio de ambos, pois ele poderá retribuir os cuidados e salvaguardar seus bens; 
■Se observar uma situação que foge da normalidade e não quiser envolver-se é só ligar para o 190, Emergências, ou no disque-denúncia 3223-0190. 



Telefones Úteis

 
190 - Polícia Militar
193 - Corpo Bombeiros
197 - Polícia Civil
198 - Polícia Rodoviária
181 - Narcodenúncia
192 - Pronto Atendimento
0800 643-0304 - Força Verde

Boletins de Ocorrência
Policial Destaque
Convite

 

 

 

Total de Visitas: 1829293
Visitas Hoje: 30
Visitas no Mês: 5978




© 2009 - Décimo Sexto Batalhão de Polícia Militar
XV de novembro, 4347 - Morro Alto - Telefone: (42) 3623-6836
Guarapuava - Paraná

Webmail

Estatísticas de Acesso